Filas sem formam desde sexta-feira 

As filas de pais de estudantes que vão renovar o cadastramento dos filhos para a gratuidade no transporte público, devem se prolongar ate sexta-feira, a informação é do gerente de operações da empresa, Flávio Rodrigues. A situação se prolonga desde a semana passada, quando a concessionária liberou o cadastro para o ano letivo 2024.

Segundo Flávio, cerca de seis mil estudantes vão renovar a gratuidade para este ano, isso junto com os que vão entrar no sistema agora, gera um intenso trafego de pessoas e lentidão no atendimento.    

O problema começou pela demora da Administração em publicar o decreto com as novas regras da gratuidade. A nova ordem saiu apenas na tarde de quinta-feira e na sexta, a Vera Cruz pode liberar o recadastramento, mas isso foi a um dia útil do inicio das aulas, que começaram logo na segunda-feira.

A consequência foram filas, aglomeração de pessoas na porta da empresa, muito bate-boca entre usuários e colaboradores e insatisfação por parte dos pais, que precisam do passe para mandar os filhos para a escola. 

O serviço está concentrado apenas na sede da Vera Cruz, o ponto de apoio do Urciano Lemos foi fechado por questões de estrutura física e segurança. “Uma colaboradora da empresa foi ameaçada por pessoas no local”, revelou Flávio. 

O decreto publicado pela prefeitura na semana passada trouxe novas regras para a concessão do benefício. Resumidamente, partir de agora, terão direito à gratuidade apenas estudantes do ensino básico, fundamental e médio, que residam há mais de 1,5 km da residência, com limite de duas viagens diárias, apenas em dias letivos.

Alunos de cursos técnicos e superiores terão de pagar o valor integral da passagem, que foi reajustada para R$ 4,85.

Deixe seu Comentário