Governo de Minas estreitou laços com a província chinesa de Jiangxi, durante encontro realizado na manhã desta terça-feira (21/11), na sede do Banco do Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG).

O governador Romeu Zema esteve com o secretário do Comitê Provincial de Jiangxi, Yin Hong, e lembrou na ocasião da participação de empresas da China na economia mineira e da expectativa por mais parcerias.

“Ano a ano, o número de empresas operando em nosso estado tem aumentado e temos toda a estrutura para dar suporte a quem investe em nosso estado, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede) e da Invest Minas”, assegurou Zema, acompanhado do diretor-presidente da Invest Minas, João Paulo Braga, e dos secretários estaduais de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, e de Casa Civil, Marcelo Aro.

A China foi um dos países da missão de Romeu Zema para prospectar oportunidades de negócios na Ásia. Ao todo, a viagem à China e ao Japão rendeu R$ 1 bilhão em investimentos e a geração de 2 mil empregos para o estado

O governador destacou que Minas é um ambiente positivo para a destinação de recursos, ao proporcionar uma logística favorável e diversas formas de segurança.

“Nós somos o estado mais seguro do Brasil em relação à criminalidade, o que significa um bom lugar para se investir. Estamos praticamente no centro do Brasil, representamos com os estados vizinhos praticamente 70% da economia brasileira, e oferecemos ainda segurança jurídica de que os contratos serão cumpridos, além de agilidade nas análises ambientais, tributárias e sanitárias”, sinalizou Romeu Zema.

Para o secretário do Comitê Provincial de Jiangxi, há espaço para intensificar esse intercâmbio atual. “Os empresários da nossa delegação já estão satisfeitos com o que existe e podemos fazer mais investimentos e parcerias do futuro”, prevê Yin Hong.


Agência Minas

Deixe seu Comentário